quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Explorando Exumas 1

Os 10 dias que ficamos presos na Florida sem condições para cruzar para as Bahamas pesaram muito na nossa programação. Sendo que no dia 5/1 teríamos a chegada de um casal amigo em George Town (no Sul das Exumas) que embarcam de volta,  junto com a esposa que precisa voltar ao trabalho, no dia 11/01 em Nassau. Nos restaram então 5 dias para chegar na Great Exumas Island (onde fica George Town) e outros 5 para o retorno a Nassau. Num caminho direto são cerca de 130 milhas náuticas. Acontece que as principais atrações da região ficam entre 30 e estas 130 milhas.

As Bahamas são formadas por centenas de ilhas de todos os tamanhos, em geral chamadas de cays por suas características, agrupadas em várias regiões e espalhadas por uma grande área do Atlântico Norte. Entre os vários grupos mar profundo e grandes bancos de areia com profundidades de poucos metros, águas transparentes e corais. Pelo clima e outras características é parte do Caribe. Exumas é um destes grupos de cays e ilhas posicionados de Norte para Sul, iniciando a cerca de 30 mn a Leste de Nassau, com pequenas passagens de Leste para Oeste entre elas, os cuts. Pelo lado de dentro (Oeste) o Great Exumas Bank com as atrações e pelo lado de fora (Leste) o Exumas Sound uma área de oceano com profundidades acima dos 1.000 m. É uma região de natureza belíssima, pouco urbanizada. A cidade principal é George Town, na verdade pouco mais que uma vila, localizada na maior ilha da região, a Great Exuma.

Saímos de Nassau por volta das 9:15h do dia 1° do ano e percorremos 46,8 mn até Hawksbill Cay. Vento SE de 11-12 nós e mar com marolas de 0,6-0,9 m. Passamos pelo Yellow Bank onde a navegação é visual pelas baixas profundidades. Chegamos as 16:45h e pudemos curtir pela primeira vez as águas transparentes das Bahamas. Exumas, finalmente aqui estamos nós!

Navegação visual no Yellow Bank

Arco-íris no caminho para as Exumas 


Dia seguinte após passear de dinghy pela costa com pequenas caves e curtir a deserta e linda praia, enquanto Gabriel fazia snorkel, rumamos para Rocky Dundas, a 21 mn. É uma ilhota com um dos famosos pontos de snorkel da região. Ancoramos ao lado na pequena enseada da private Fowl Cay. Rocky Dundas foi legal mas não chegou ao nivel de Abrolhos, pouca vida marinha. Aliás vimos mais na ancoragem com diversos peixes, uma enorme Barracuda embaixo do barco (que infelizmente estava sem a GoPro e não pude registrar), uma tartaruga e arraias passeando.

TinguaCat em Hawksbill Cay 


Sunset em Hawksbill Cay 

Peixes sob o TinguaCat 

Ancoragem em Fowl Cay

Avião na ilha particular de Fowl Cay 

Sunset em Compass Cay visto de Fowl Cay

Rocky Dundas 

Snorkel em Rocky Dundas


Nenhum comentário: